Regulamento Super Copa Trail

A “Super Copa Trail” da Revista Trail Running será realizada em território Nacional nas modalidades Assessoria/Treinador, Grupos de Atletas, Equipe de Performance e Individual. As disputas serão definidas por livre competição com ranking Nacional e Regional, adulto e juvenil, tanto para atletas do sexo masculino quanto feminino.

1.Rankings:

Art. 1º: Haverá somente um ranking para todas as distâncias, onde a disputa seguirá as seguintes regras:

Parágrafo 1. Haverão três rankings nacionais, por equipes, assessorias e individual, sendo que o individual se dividirá em Adulto e Juvenil e em cada um serão premiados atletas masculinos e femininos.

Parágrafo 2. Os Rankings Nacionais serão os principais e deles serão extraídos os todos os outros resultados de ranking.

Parágrafo 3. Haverão, ainda, os rankings Regionais, por equipes, assessorias e individual, sendo que o individual se dividirá em Adulto e Juvenil e em cada um serão premiados atletas masculinos e femininos.

Parágrafo 4. As equipes, assessorias e atletas individuais poderão se cadastrar na Super Copa Trail a qualquer tempo, sendo certo que sua pontuação, bem como sua classificação no ranking somente será válida após o pagamento da taxa anual de filiação pertinente dos atletas.

Parágrafo 5. Os atletas deverão efetuar o pagamento da taxa até o último dia do mês de JUNHO de 2021 para que seus resultados anteriores ao pagamento sejam validados, após esta data, os atletas que efetuarem o pagamento somente terão os resultados válidos e aplicados no ranking a partir da data do pagamento da taxa.

1.1 Ranking – Assessorias e treinadores

Art. 2º: Toda assessoria e treinadores poderão se habilitar para a Super Copa Trail preenchendo o formulário constante no site da Revista Trail Running (https://www.rtrailrunning.com.br/cadastro-assessorias/).

Parágrafo 1. Qualquer Assessoria/treinador poderá se cadastrar desde que tenha no mínimo 2 atletas habilitados no site da Revista Trail Running. As Assessoria/treinador não terão limite de atletas.

Parágrafo 2. Todo atleta, para se habilitar na Super Copa Trail Trail, deverá se cadastrar e pagar a taxa anual de filiação, ou se tornar assinante da Revista Trail Running.

Parágrafo 3. Toda equipe habilitada formalmente na Super Copa Trail terá um cupom¹ exclusivo para que seus atletas possam se tornar ASSINANTES da Revista Trail Running.

Parágrafo 4. Os atletas somente poderão correr por uma Assessoria/treinador durante o ano, sendo que a janela para mudança de Assessoria/treinador se dará entre os dias 16/12 a 16/01 de cada ano.

Parágrafo 5. O atleta que sair de uma Assessoria/treinador no decorrer do ano desfalcará sua Assessoria/treinador e não poderá somar pontos para uma nova Assessoria/treinador, seus resultados e pontos somente valerão para a premiação individual, equipe de performance e/ou para seu e para sua Assessoria/treinador caso permaneça nele.

Nota 1: O cupom somente será válido para nova ASSINATURA, não será válido para o atleta que quiser pagar somente a taxa anual de filiação.

Art. 3º: A classificação do Ranking por Assessoria/treinador NACIONAL será obtida através da pontuação dos atletas de cada Assessoria/treinador (masculino/feminino) independente da distância, ressalvado o peso de cada faixa de distância.

Art. 4º: A classificação do Ranking por Assessoria/treinador REGIONAL será obtida através da pontuação dos atletas de cada Assessoria/treinador (masculino/feminino) independente da distância, ressalvado o peso de cada faixa de distância.

Parágrafo único: Sendo certo que as Assessoria/treinador poderão competir e somar pontos em provas em todas as regiões do Brasil, entretanto, o ranking Regional será somente entre Assessoria/treinador da região específica.

Ex. Assessoria/treinador da Região Norte competem no ranking da Região Norte, enquanto Assessoria/treinador da Região Sudeste competem com Assessorias/treinadores da Região Sudeste.

Art. 5º: Serão premiadas as 10 (dez) melhores Assessoria/treinador do Ranking Nacional.

Art. 6º Serão premiadas 3 (três) Assessoria/treinador do Ranking Regional.

OBS. Será disponibilizado VIRTUALMENTE as 10 (dez) melhores Assessorias/Treinadores de cada Estado, entretanto, não haverá premiação local.

1.2 Ranking – Grupos de Atletas

Art. 7º: Todo Grupo de Atleta poderá se habilitar para a Super Copa Trail preenchendo o formulário constante no site da Revista Trail Running (www.rtrailrunning.com.br).

Parágrafo 1. Qualquer Grupo de Atleta poderá se cadastrar desde que tenha no mínimo 2 atletas habilitados no site da Revista Trail Running. Os Grupos de Atletas não terão limite de atletas.

Parágrafo 2. Todo atleta, para se habilitar na Super Copa Trail Trail, deverá se cadastrar e pagar a taxa anual de filiação, ou se tornar assinante da Revista Trail Running.

Parágrafo 3. Todo Grupo de Atleta habilitado formalmente na Super Copa Trail terá um cupom¹ exclusivo para que seus atletas possam se tornar ASSINANTES da Revista Trail Running.

Parágrafo 4. Os atletas somente poderão correr por um “Grupo de Atleta” durante o ano, sendo que a janela para mudança de Equipe se dará entre os dias 16/12 a 16/01 de cada ano.

Parágrafo 5. O atleta que sair de um Grupo de Atleta no decorrer do ano desfalcará seu Grupo de Atleta e não poderá somar pontos para uma novo Grupo de Atleta, seus resultados e pontos somente valerão para a premiação individual, equipe de performance e/ou para sua Assessoria/treinador caso permaneça nela.

Nota 1: O cupom somente será válido para nova ASSINATURA, não será válido para o atleta que quiser pagar somente a taxa anual de filiação.

Nota 2: O atleta somente precisará pagar a taxa de filiação uma única vez para participar de todos os rankings da Super Copa, exceto o ranking exclusivo para assinantes da Revista Trail Running.

Art. 8º: A classificação do Ranking por Grupo de Atleta NACIONAL será obtida através da pontuação dos atletas de cada Grupo de Atleta (masculino/feminino) independente da distância, ressalvado o peso de cada faixa de distância.

Art. 9º: A classificação do Ranking por Grupo de Atleta REGIONAL será obtida através da pontuação dos atletas de cada Grupo de Atleta (masculino/feminino) independente da distância, ressalvado o peso de cada faixa de distância.

Parágrafo único: Sendo certo que os Grupos de Atletas poderão competir e somar pontos em provas em todas as regiões do Brasil, entretanto, o ranking Regional será somente entre Grupos de Atletas da região específica.

Ex. Grupos de Atletas da Região Norte competem no ranking da Região Norte, enquanto Grupos de Atletas da Região Sudeste competem com Grupos de Atletas da Região Sudeste.

Art. 10º: Serão premiados os 10 (dez) melhores Grupos de Atletas do Ranking Nacional.

Art. 11º Serão premiados os 3 (três) Grupos de Atleta do Ranking Regional.

OBS. Será disponibilizado VIRTUALMENTE os 10 (dez) melhores Grupos de Atletas de cada Estado, entretanto, não haverá premiação local.

1.3 Ranking – Equipes Performance

Art. 12º: Toda equipe poderá se habilitar para a Super Copa Trail preenchendo o formulário constante no site da Revista Trail Running (https://www.rtrailrunning.com.br/cadastro-equipes/).

Parágrafo 1. Qualquer Equipe poderá se cadastrar desde que tenha no mínimo 2 atletas habilitados no site da Revista Trail Running.

As Equipes terão limite máximo de 10 atletas, entre homens e mulheres.

Parágrafo 2. Todo atleta, para se habilitar na Super Copa Trail Trail, deverá se cadastrar e pagar a taxa anual de filiação, ou se tornar assinante da Revista Trail Running.

Parágrafo 3. Toda equipe habilitada formalmente na Super Copa Trail terá um cupom¹ exclusivo para que seus atletas possam se tornar ASSINANTES da Revista Trail Running.

Parágrafo 4. Os atletas somente poderão correr por uma Equipe durante o ano, sendo que a janela para mudança de Equipe se dará entre os dias 16/12 a 6/01 de cada ano.

Parágrafo 5. O atleta que sair de uma Equipe no decorrer do ano desfalcará sua equipe e não poderá somar pontos para uma nova Equipe, seus resultados e pontos somente valerão para a premiação individual e para sua Assessoria/treinador caso permaneça nela.

Nota 1: O cupom somente será válido para nova ASSINATURA, não será válido para o atleta que quiser pagar somente a taxa anual de filiação.

Nota 2: O atleta somente precisará pagar a taxa de filiação uma única vez para participar de todos os rankings da Super Copa, exceto o ranking exclusivo para assinantes da Revista Trail Running.

Art. 13º: A classificação do Ranking por equipes NACIONAL será obtida através da pontuação dos atletas de cada Equipe (masculino/feminino) independente da distância, ressalvado o peso de cada faixa de distância.

Art. 14º: A classificação do Ranking por Equipe REGIONAL será obtida através da pontuação dos atletas de cada equipe (masculino/feminino) independente da distância, ressalvado o peso de cada faixa de distância.

Parágrafo único: Sendo certo que as Equipes poderão competir e somar pontos em provas em todas as regiões do Brasil, entretanto, o ranking Regional será somente entre Equipes da região específica.

Ex. Equipes da Região Norte competem no ranking da Região Norte, enquanto Equipes da Região Sudeste competem com Equipes da Região Sudeste.

Art. 15º: Serão premiadas as 5 (cinco) melhores Equipes do Ranking Nacional.

Art. 16º Será premiada 1 (uma) Equipe do Ranking Regional.

OBS. Será disponibilizado VIRTUALMENTE as 10 (cinco) melhores Equipes de Performance de cada Estado, entretanto, não haverá premiação local.

1.4 Ranking EXCLUSIVO ASSINANTES DA REVISTA TRAIL RUNNING

Art. 17º: Haverá um ranking exclusivo para assinantes da Revista Trail Running com premiação dos 10 melhores atletas masculinos e femininos a nível nacional e dos 5 melhores atletas masculinos e femininos em cada região do Brasil.

Parágrafo 1. Para participar do Ranking EXCLUSIVO DE ASSINANTES DA REVISTA TRAIL RUNNING Os atletas deverão efetuar o pagamento da ASSINATURA até o último dia do mês de JUNHO de 2021 para que seus resultados anteriores ao pagamento sejam validados, após esta data, os atletas que efetuarem o pagamento somente terão os resultados válidos e aplicados no ranking a partir da data do pagamento da taxa.

1.5 Ranking – Individual

Art. 18º: Todo atleta para se habilitar na Super Copa Trail deverá se cadastrar e pagar a taxa anual de filiação, ou se tornar assinante da Revista Trail Running.

Parágrafo único: Pessoas que já sejam assinantes da Revista Trail Running, antes do lançamento da Super Copa Trail estarão, automaticamente, habilitas para as disputas, entretanto, caso a pessoa queira integrar alguma assessoria/treinador, Grupo de Atleta ou Equipe de Performance, ela deverá entrar em contato com a Revista Trail Running pelo email ([email protected]) e solicitar a inclusão da assessoria/treinador, Grupo de Atleta e Equipe de Performance em seu cadastro.

Art. 19º: A classificação do Ranking individual NACIONAL será obtida através da pontuação nas provas da Super Copa independente da distância, ressalvado o peso de cada faixa de distância.

Art. 20º: A classificação do Ranking individual REGIONAL será obtida através da pontuação nas provas da Super Copa, independente da distância, ressalvado o peso de cada faixa de distância.

Art. 21º: A classificação será dividida por sexo, masculino e feminino.

Art. 22º: Serão premiados os 10 melhores atletas Nacionais masculinos e femininos.

Art. 23º: Serão premiados os 5 (cinco) melhores atletas de cada região do Brasil (masc/fem).

OBS. Será disponibilizado VIRTUALMENTE os 10 (dez) melhores Atletas (masc/fem) de cada Estado, entretanto, não haverá premiação local.

Parágrafo 1: Serão premiados, ainda, os 3 melhores atletas masculinos e femininos de cada categoria de idade no Ranking Nacional.

Parágrafo 2: CATEGORIAS DE IDADE

  • 1- Menores de 23 anos (juvenil) – Categoria à parte;
  • 2- 24 a 35 anos;
  • 3- 36 a 45 anos;
  • 4- 46 a 55 anos;
  • 5- 56 a 65 anos;
  • 6- acima de 65 anos.

Art. 24º: Haverá premiação dos 3 melhores atletas de cada Região do Brasil masculino e feminino.

Art. 25º: Haverá classificação específica para atletas juvenis.

Parágrafo único. Considera-se juvenil o atleta masculino e feminino menor de 23 anos até a data da última competição da Super Copa.

Art. 26º: Serão premiados os 5 primeiros atletas juvenis Nacionais masculinos e femininos.

Art. 27º Haverá premiação do melhor atleta juvenil de cada Região do Brasil masculino e feminino.

OBS. Será disponibilizado VIRTUALMENTE os 5 (cinco) melhores Atletas Juvenis de cada Estado, entretanto, não haverá premiação local.

2. Competições duplas, trios e quartetos.

Art. 28º: As competições que tiverem disputas com duplas ou mais pessoas, estes pontuaram para suas assessorias e equipes normalmente desde que os atletas participantes sejam da mesma equipe ou assessoria. Caso os atletas sejam de equipes ou assessorias diferentes, não serão creditados pontos para nenhuma das assessorias ou equipes.

Art. 29º: Os atletas que competirem em duplas ou maior número de atletas pontuarão normalmente no ranking individual, desde que TODOS tenham feito o percurso inteiro, caso seja em revesamento, os atletas pontuarão com o peso das faixas de distâncias correspondente a distância executada.

3.Pontuação e pesos das faixas de distâncias.

3.1. Pontuação:

Art. 30º: O Super Copa Trail “by” Revista Trail Running distribuirá pontos para todos atletas FINISHERS em todas as provas da Super Copa (masc/fem) como segue:

1º = 50 pontos;
2º = 45 pontos;
3º = 40 pontos;
4º = 35 pontos;
5º = 30 pontos;
6º = 25 pontos;
7º = 20 pontos;
8º = 18 pontos;
9º = 16 pontos;
10º = 14 pontos;
11º = 12 pontos;
12º = 10 pontos;
13º = 8 pontos;
14º = 7 pontos;
15º = 6 pontos;
16º = 5 pontos;
17º = 4 pontos;
18º = 3 pontos;
19 = 2 pontos;
20º em diante = 1 ponto.

3.2 Pesos por faixas de distâncias.

Art. 31º: As distâncias das provas terão diferentes pesos para cada faixa de distâncias.

Parágrafo 1: O intuito em adotarmos o sistema de pesos é pelo fato de um atleta que corre distâncias menores ter condições de participar de um número de provas muito maior que um atleta que corre uma distância mais larga como 100km ou 160km. Enquanto um atleta de 10km ou 21km poderia correr praticamente todo fim de semana, um atleta que corre uma prova de 160km correrá no máximo 4 provas no ano.

Art. 32º: Os pontos conquistados por cada atleta em sua classificação serão multiplicados pelo valor do peso de sua faixa de distância e este será o valor que constará em todos os rankings, seja por equipes ou individual.

    • Até 21km – peso 1;
    • Entre 22km até 49km – peso 2;
    • Entre 50km até 99km – peso 3;
    • Acima de 100km – peso 4.

Parágrafo 1: Não será considerado para efeito de “peso por faixa de distância” o quilômetro/esforço – que é o cálculo feito entre a relação distância e ganho/perda de altimetria.

Parágrafo 2: A distância a ser considerada para efeito e aplicação dos “pesos por faixa de distância” será o divulgado oficialmente pela organização da prova, sendo descartado qualquer prova em contrário oferecida por um ou mais atletas, mesmo que por associações, grupos de atletas ou assessorias esportivas.

4. Organizadores e eventos da Super Copa 2021

Art. 33º: Os eventos participantes da Super Copa Trail serão aqueles realizados por organizadores registrados previamente e que obedeçam a seleção em qualidade organizacional, percursos e estrutura.

Art. 34º: Fazem parte da Super Copa Trail as seguintes organizações: (SUJEITO A MUDANÇAS)

  • Ultra do Céu
  • KTR (Kailash Trail Run)
  • La Misión Brasil
  • WTR (Serra do Mar e Arraial do Cabo)
  • Camelbak Mountain Race
  • Indomit (Mantiqueira, Pedra do Baú, Serra da Mantiqueira)
  • XC Run (Búzios e Itaipava)
  • Desafio das Serras (Brasil, Ultra)
  • Circuito das Serras
  • UT Eventos (Jaraguá SkyMarathon, Extreme Winter, Odisseia Ultra e Rota das Águas)
  • Ultramaratona dos Perdidos
  • Xtreme Run Gramado
  • Evolution
  • Pedra grande Ultra Trail
  • Mountain Do (Costão do Santinho, Lagoa da Conceição, Fernando de Noronha)
  • Run Brasil Ride
  • Insanity (Mestre Álvaro, Buenos Aires, Polenta Off Road, Venda Nova)
  • Mons Ultra Trail
  • Ladeiras da Penha
  • Xterra Brasil (Estrada Real, Costa Verde e Búzios)
  • UltraMacho (Senta a Púa, Vale das Águas, Águas do Cerrado, Toroari e Rondonópolis)
  • Desafio das Serras Off Road (Monte das Gameleiras, Bananeiras, Bonito e Fernando de Noronha)
  • Desafio Serra dos Matões
  • To Goal (Circuito trilha e praia (4 etapas), Desafio espírito do guerreiro da selva, Viva+ Trail Run e Ultra Trail Amazônica)
  • Desafio Delta do Parnaíba
  • Desafio Raiz Tapera
  • Beach Run
  • Gantuá (Gantuá e Ultra Trail Chapada Diamantina)
  • Forrest Run
  • Desafio Serra da Bodoquena
  • Bocaina Park Trail
  • Horizontes SkyRace

Art. 35º: As datas e regulamentos são de encargo de cada evento.

Art. 36º: Assinantes da Revista Trail Running têm descontos exclusivos em todas etapas de quaisquer eventos acima citados, basta, para tanto, requisitar seu cupom no site da própria Revista Trail Running no endereço (www.rtrailrunning.com.br/eventos).

5.Do Vale Dourado.

Art. 37: Haverão 3 (três eventos) com o “Vale Dourado”:

1º: O evento “Ultra do Céu” será o evento de abertura da Super Copa Trail e os vencedores (masculino e feminino) das modalidades 80 e 50km conquistarão o Vale Dourado para a “Final da Super Copa Trail” no evento “Cambotas Marathon” a se realizar no fim do ano, em data a ser anunciada oportunamente.

2º: Os vencedores (masculino e feminino) das modalidades 80 e 45km da “Ultramaratona dos Perdidos” conquistarão o Vale Dourado para a “Final da Super Copa Trail” no evento “Cambotas Marathon” a se realizar no fim do ano, em data a ser anunciada oportunamente.

3º: Os vencedores (masculino e feminino) das modalidades 105, 85 e 55km da “Mons Ultra Trail” conquistarão o Vale Dourado para a “Final da Super Copa Trail” no evento “Cambotas Marathon” a se realizar no fim do ano, em data a ser anunciada oportunamente.

6. Cambotas Marathon

Art. 38: O Evento Cambotas Marathon será realizado na cidade de Barão dos Cocais, em Minas Gerais, em data a ser definida. Trata-se de um percurso único de 42km com características de Montanha, o terreno por ser muito técnico e por ter uma relação distância/ganho de elevação muito acentuado se apresentará como uma chave de ouro da Super Copa Trail.

Parágrafo único: Para os atletas juvenis haverá o percurso de 21km onde somente estes poderão competir.

6.1 Como participar

Art. 39. As 25 melhores Assessorias/Treinadores da Super Copa Trail estarão classificadas e cada Assessorias/Treinadores terá direito a inscrever 3 (três) atletas masculinos e 3 (três) atletas femininos, desde que tenham participado do campeonato brasileiro e não tenham corrido por outra Assessorias/Treinadores no ano vigente.

Art. 40. Os 25 melhores Grupos de Atletas da Super Copa Trail estarão classificadas e cada Grupo de Atleta terá direito a inscrever 3 (três) atletas masculinos e 3 (três) atletas femininos, desde que tenham participado do campeonato brasileiro e não tenham corrido por outro Grupo de Atleta no ano vigente.

Art 41. As 25 melhores Equipes de Performance da Super Copa Trail estarão classificadas e cada Equipe terá direito a inscrever 2 (dois) atletas masculinos e 2 (dois) atletas femininos, desde que tenham participado do campeonato brasileiro e não tenham corrido por outra Equipe no ano vigente.

Parágrafo único: Não será necessário que os atletas sejam os maiores pontuantes da Assessorias/Treinadores ou Equipes, eles poderão ser selecionados de acordo com os critérios de cada Assessoria/treinador ou Equipe.

Art. 42. Com o intuito de ampliar a participação de atletas juvenis, será admitida a inscrição e participação de atletas que não tenham participado da Super Copa Trail.

Art. 43. O atleta juvenil que se classificar no ranking adulto poderá abrir mão de participar da prova juvenil e competir na prova adulto desde que seja maior de idade no sentido legal. Esta decisão deverá ser comunicada a organização com no mínimo 30 dias de antecedência.

Art. 44. Os 50 primeiros atletas da classificação geral (masculino e feminino) terão vaga garantida na final na Cambotas Marathon em Barão dos Cocais.

Parágrafo único: Caso algum atleta da lista dos 50 primeiros já tenham sua vaga no evento por conta de sua Assessoria/Treinador, Grupo de Atleta ou equipe o ter escalado, serão chamados os próximos da classificação até que se completem as vagas.

Art. 45. Os 10 primeiros atletas (ASSINANTES DA REVISTA) da classificação geral (masculino e feminino) terão vaga garantida na final na Cambotas Marathon em Barão dos Cocais.

Parágrafo único: Caso algum atleta (ASSINANTES DA REVISTA) da lista dos 10 primeiros já tenham sua vaga no evento por conta de qualquer outra escalação, serão chamados os próximos da classificação até que se completem as vagas.

Art. 46. Serão reservadas 50 vagas para atletas de elite (masculino e feminino) independente de participação no Ranking.

Parágrafo único: Considera-se atleta de elite os atletas com os seguintes pontos ITRA:

    • Masculino: 700 pts
    • Feminino: 600 pts

Art. 47. Atletas, comprovadamente, residentes nas cidades do entorno da Serra de Cambotas como, Catas Altas, Barão de Cocais e Santa Bárbara, terão até 20 (vinte) vagas na Cambotas Marathon.

Parágrafo único: caso tenha mais de 20 intenções de participação, haverá sorteio das vagas.

A eleição de melhores do ano da RTR Awards será feita em paralelo e a premiação realizada no mesmo evento de premiação da Super Copa Trail.

 

A Evolution nasceu em 2017, por atletas apaixonados pelo trail, Eduardo Pimenta e seu amigo / sócio Edvaldo Maciel, acreditando no potencial da Mantiqueira e do esporte; com diferenciais que poderiam e deveriam ser aplicados em provas no Brasil, aliando o esporte e o turismo, com foco na experiência. Passando por três estados, MG, RJ e SP, se consolidou como uma prova técnica, com um nível de dificuldade adequado a cada percurso, um verdadeiro trail – trilhas, montanhas, rios e cachoeiras. A Evolution é ITRA Member, o órgão internacional que rege a corrida em trilhas. Também é Salomon Partner, uma prova Salomon no Brasil. Desafio, Emoção, Superação. Esses são os valores da Evolution. Não queremos dividir nem conquistar; queremos somar, agregar ao cenário trail, agregar ao esporte. 2020, 2021, 2022, 2023, 2024, 2025… A cada etapa, a cada percurso, a cada cidade; uma nova experiência, um novo desafio.

Foto: Marcos Leite

Em 2021, a prova tem previsão de acontecer no dia 09 de outubro, novamente em Bocaina de Minas, se as condições da pandemia da covid-19 permitirem.

Percursos da última etapa, realizada em outubro de 2019, em Bocaina de Minas

Short – Aproximadamente 6 km
Medium – Aproximadamente 18 km
Ultra – Aproximadamente 53 km

Siga a evolution no Instagram

————————–
Faça o download gratuito do guia da Super Copa Trail clicando aqui.

Confira o Regulamento completo da Super Copa clicando aqui.

Confira, no vídeo abaixo, como foi a edição de 2019:

Foto de detaque: Marcos Leite

Foto: Luiz Milan

Você já se imaginou correndo os quilômetros de uma maratona? Haja fôlego para encarar os 42.195 metros de percurso. Tida como a mais extenuante do atletismo, a prova pode ser considerada ‘light’ se comparada à maratona de montanha.

O Desafio das Serras Ultramaratona integra a Super Copa Trail da Revista Trail Running. É um evento de dois dias, com percursos médio (40 a 50 Km – dois dias) ou longo (70 a 80 Km – dois dias), que podem ser feitos em duplas ou solo.

Categorias

Duplas
Percurso Médio – 40 a 50 Km | Percurso Longo – 80 a 90 Km
Categoria Mista: Composta por 2 (dois) participantes, sendo um do sexo oposto;
Categoria Feminina: Composta por 2 (dois) participantes do sexo feminino;
Categoria Masculina: Composta por 2 (dois) participantes do sexo masculino
Categoria Máster: Composta por 2 (dois) participantes, sendo um do sexo oposto e a soma das idades igual ou superior a 80 anos (oitenta) anos;

Solo
Percurso Médio – 40 a 50 Km | Percurso Longo – 80 a 90 Km
Categoria Feminina: Composta por 1 participante do sexo feminino com idade igual ou maior que 18 (dezoito) anos;
Categoria Masculina: Composta por 1 participante do sexo masculino com idade igual ou maior que 18 (dezoito) anos.

Foto fornecida pela organização

A prova é feita em trilhas sinalizadas por fitas, placas, setas e orientação de monitores nos postos de controle (PC’s) com diversos graus de dificuldade graças às subidas e descidas e outros obstáculos.

“O objetivo é tirar as pessoas do meio das ruas, da poluição, dos parques urbanos, das esteiras. Queremos que estes atletas experimentem terrenos diferentes como campo, mata, terra batida, trilhas de gado e com vegetação, sentido o ar puro das montanhas”, relata a organização.

A edição de 2020 não ocorreu, devido à pandemia da covid-19 e a de 2021 infelizmente ainda não tem data prevista, pelo mesmo motivo.

Siga do Desafio das Serras pelo Instagram, Facebook e Youtube.

Mais informações, clicando aqui.

————————–
Faça o download gratuito do guia da Super Copa Trail clicando aqui.

Confira o Regulamento completo da Super Copa clicando aqui.

Confira como foi a última edição, realizada em 2018:

Créditos da foto em destaque: Luiz Milan

A Revista Trail Running inicia uma série de reportagens sobre as organizações e provas integrantes da Super Copa Trail. Postaremos detalhes, fotos e informações sobre todos os desafios que nos esperam nesse super evento. Vamos lá?

A Ladeiras da Penha é uma prova conhecida por seus percursos desafiadores e variados, com distâncias que agradam desde os corredores mais iniciantes e apreciadores de corridas curtas, até aqueles que gostam de correr por distâncias mais longas. Infelizmente, devido ao atual cenário da pandemida da covid-19, a organização, que havia planejado sete etapas para 2021, modificou seu calendário, com indefinição de data e realização de algumas etapas.

Apesar desse cenário difícil e indefinido, vamos mostrar para os nossos leitores um pouco sobre cada etapa. Confira:

JOANÓPOLIS

Foto fornecida pela organização

Prova com 3 distâncias adultas (7, 14 e 21km) e teremos a Kids, que vai de 50 ao 500mts sendo de 0 à 12 anos). Joanópolis fica a 100km de SP; é uma cidade turística com muitas cachoeiras, três delas que ficam dentro do nosso percurso da prova. A cidade é folclórica e conhecida com a “Cidade do Lobisomem”.

SUZANO

Foto fornecida pela organização

Prova com 4 distâncias adultas (7, 14, 21 e 32km) e teremos a Kids, que vai de 50 ao 500m, sendo de 0 a 12 anos). Suzano fica a 35km de São Paulo, uma etapa sempre muito bem quista pelos atletas, pois mescla trilhas técnicas, boa altimetria e estradões de terra.

SANTA ISABEL

Foto fornecida pela organização

Prova com 4 distâncias adultas (7, 14, 21 e 32km). A cidade fica a 40km de São Paulo, tem um dos percursos mais mistos do circuito. Prova com trilhas técnicas, rios, cachoeiras, altimetria boa e sempre uma etapa das mais esperadas do Ladeiras.

UBATUBA

Foto fornecida pela organização

Prova com 3 distâncias adultas (5, 14 e 21km) e teremos a Kids, que vai de 50 ao 500m, sendo de 0 a 12 anos). Ubatuba é nossa etapa na praia, clima incrível, as paisagens mais belas do litoral norte e com destaque para o pico da Piúva, ponto mais alto da prova, de onde se consegue enxergar toda a cidade de Ubatuba.

EXTREMA

Foto fornecida pela organização

Prova com 3 distâncias adultas (7, 14, 21 e a estreia do 32km). Etapa fora de São Paulo, na cidade de Extrema, que fica em Minas Gerais e essa etapa acessa dezenas de trilhas dentro da Serra do Lopo, com uma das maiores altimetrias do circuito.

GUARAREMA

E etapa de revezamento. Haverá o percurso de 42 km, que poderá ser feito solo, dupla ou quarteto. Prova 100% estradão de terra, com percursos em meio ao eucaliptos, cachoeiras e largada e chegada no ponto mais alto da cidade.

MAIRIPORÃ

Foto fornecida pela organização

Prova com 3 distâncias adultas (7, 14 e 21km) e teremos a Kids, que vai de 50 ao 500m sendo de 0 a 12 anos). Mairiporã fica a 30km de São Paulo, tem percurso misto de estradas e trilhas que levam o atleta até o Pico do Olho D’agua, uma dos visuais mais incríveis da cidade.

Confira os vídeos das provas da Ladeiras da Penha no YouTube clicando aqui.

______
Faça o download gratuito do guia da Super Copa Trail clicando aqui.

Confira o Regulamento completo da Super Copa clicando aqui.