O desafio dos treinos e da retomada das competições com a Covid-19

Uma reflexão sobre a repercussão da pandemia de coronavírus e do isolamento social nos treinos e o futuro das competições esportivas de Trail Running.
Por Sinara Piassi


Confinados, não imaginávamos a proporção que o isolamento poderia tomar e as restrições impostas à prática esportiva. As sociedades médicas ligadas ao esporte reforçam a necessidade de fazer exercício tomando todas as cautelas que a situação ainda pede diante da segunda onda.

Se para as pessoas que corriam duas ou três vezes por semana o cenário ficou complicado, imagine para os atletas profissionais. Pegos de surpresa com a paralisação dos treinos, muitos foram compulsororiamente colocados na geladeira, isolados e sem prazo para voltar à ativa.

Atletas tiveram rotinas alteradas, com impactos na alimentação, no acompanhamento, na forma e no desempenho físico. Isso sem falar nas repercussões no trabalho, com redução salarial, perda de patrocinadores e a ausência de competições.

Há uma preocupação ainda maior com o risco de lesões após tanto tempo sem treino e condicionamento. Por isso não devemos focar somente nessas pré-temporadas, mas numa temporada pós-Covid, onde estaremos mentalmente mais treinados para que possa haver uma adaptação gradual e o retorno das competições.

Opinião do Treinador

Segundo o treinador, atleta e profissional de educação física, Raphael Bonatto, este momento está sendo o maior desafio do ano de 2020:

Manter os alunos motivados sem ter uma meta específica é um grande desafio. 2021 será um cenário de incertezas, grandes competições no mundo todo dificilmente serão realizadas se não estivermos com a vacina.

Bonatto juntamente a equipe Go On Outdoor, estão promovendo Camps de treinamento. Eles acreditam e apoiam os desafios pessoais e competições virtuais, para seus alunos se manterem ativos, psicologicamente bem e focados nos treinos.

Visão do atleta

A atleta de grande destaque Ana Paula Silveira, já estava de passagens compradas para o Mundial de Skyrunning para qual foi convocada a disputar em 2020, porém diante do momento, teve que se reinventar e procurar novas rotas:

Eu tive que rever todos os meus planos, minha vida profissional mudou totalmente, eu passei a trabalhar todas as noites nos meses mais críticos, eu deixei de fazer meus treinos na montanha e fui pro asfalto, pois tivemos muitas trilhas fechadas aqui no Rio. Eu tive que me reinventar totalmente, descobrir treinos indoor, e estou buscando evoluir nos meus pontos fracos, descobri a bike como uma alternativa de aumentar o volume semanal sem muito impacto e sem sair de casa, disse.

Ana esteve presente na prova Camelbak Race, e observou que o maior desafio na retomada das provas tem sido o medo. “Os atletas terão que acreditar nas medidas de segurança, vamos acreditar. Manter o foco, escolher bem as provas e aguardar a vacina.”

A atleta Linabel Iramaia Pimentel, ex atleta da Seleção Brasileira Juvenil de Skyrunnning 2019 , relatou que a maior batalha foi continuar com os treinos sem provas alvo e o quanto foi importante uma assessoria para ajudar a estar motivada sempre:

No início foi difícil ver minha prova alvo ser cancelada. Eu tive que aprender a gostar de treinar mesmo sem competir. Meus treinadores me ajudaram a segurar essa barra até que eu percebi que gostava do desconforto e da dor do treino e segui de cabeça firme, pensando em uma futuro melhor. Tive que adaptar toda a minha casa para manter meus treinos online e manter uma outra disciplina. Eu fui fazendo desafios e testes durante esse tempo, melhorei os pontos onde estava com dificuldades e sigo acreditando na volta das competições, relatou.

É preciso nos reinventar

Milhares de corredores já estavam inscritos em muitas provas, que foram entretanto adiadas ou anuladas. É uma situação frustrante, depois de terem sido criadas grandes expetativas para esta ou aquela prova. Mas nas atuais circunstâncias, há valores mais importantes na vida. É preciso reinventar-nos, seja no treino, competindo com nós mesmos, criar novos desafios.

Cada um está vivendo de uma maneira única o seu confinamento – uns mais facilmente, outros com mais dificuldade. Mas saberemos ultrapassar esta fase negativa ocasionada pela pandemia e voltar a ver sorrisos sem máscaras.

As corridas fazem parte das nossas vidas e, como estamos acostumados a superar metas e desafios, este problema será mais um a ser ultrapassado.

Ladeiras da Penha – Joanápolis

Ladeiras da Penha

1 – OBJETIVO
O evento LADEIRAS TRAIL 2020 – Etapa ‘JOANOPOLIS / SP’ é uma iniciativa de caráter esportivo e social, aberta para participação de atletas profissionais, amadores e iniciantes na modalidade. Proporcionando aos participantes o contato direto com a natureza passando por estradas de terra e trilhas batidas.

2 – DATA, HORÁRIO E LOCAL
Será realizada no dia 13 DE DEZEMBRO DE 2020, com LARGADA E CHEGADA “a definir”.

2.1 PERCURSOS
7KM JUVENIL (Podendo alterar com mínimo de 5km e máximo de 9km)
7KM ADULTO (Podendo alterar com mínimo de 5km e máximo de 9km)
14KM (Podendo alterar com mínimo de 12km e máximo de 16km)
21KM (Podendo alterar com mínimo de 17km e máximo de 25km)
KIDS (50mts/100mts/200mts/500mts)

Site oficial: Ladeiras da Penha