Relembre a saga de Fernanda Maciel para vencer duas montanhas em menos de 24h

A ultramaratonista brasileira Fernanda Maciel não cansa de quebrar barreiras e ditar os rumos da história em sua modalidade. No dia 20 de agosto de 2020 superou duas grandes montanhas alpinas no espaço de um único dia, quebrando mais recordes mundiais no processo.

Fernanda começou sua saga aos pés do Grand Paradiso, uma montanha com altitude de 4.061 metros. Escalando sem corda e em estilo solo, a mineira realizou a rota tradicional: o trajeto clássico e mais longo, conquistando a marca de dois recordes femininos de tempo mais rápido: chegou ao cume em apenas 02h40m, e executou o percurso completo (subida e descida) em 04h03m.

Em seguida, foi a vez de escalar o segundo e maior desafio do dia: Matterhorn. A atleta escalou o cume de relevo rochoso e gelo exposto pela Lion Ridge, rota com trajeto mais técnico e complexo. Após sete horas de subida, alcançou o topo do cume a 4478 metros de altura. Para Fernanda, foi também uma conquista emocional: há três anos, a ultramaratonista teve os olhos congelados durante uma escalada no local. Ano passado, a mineira havia perdido também um colega em um acidente de escalada.

Em “Fernanda Maciel: Um Dia”, produção da Red Bull TV, você acompanha a saga da atleta para conseguir ser a mulher mais rápida a subir e descer duas montanhas nos Alpes, o Gran Paradiso e o Matterhorn, em menos de 24 horas. Clique aqui e relebre como foi essa aventura.

© Mathis Dumas/Red Bull Content Pool