WTR SERRA DO MAR COM RECORDE DE PARTICIPANTES

  • Maior liga de esportes de montanha do país teve seis etapas no ano e recorde de participantes 
  • Neste sábado foram disputadas as provas de Trail Run. Amanhã (26/11) será a vez da decisão do Mountain Bike 
  • Campeões do Ranking WTR serão revelados ao longo da semana e premiados no WTR Awards, que acontece dia 10 de dezembro, no Rio de Janeiro

 Atletas celebram a chegada na WTR Serra do Mar – Crédito das imagens: Albert Andrade
Clique aqui para imagens em alta resolução

Novembro de 2023 – Neste sábado (25), a WTR Serra do Mar consagrou os vencedores da sexta e última etapa de 2023, fechando esta temporada histórica.  Já os campeões do Ranking WTR 2023 serão revelados ao longo da semana e premiados no WTR Awards, em dezembro.

Realizada no distrito do Vale das Videiras, em Petrópolis, a WTR Serra do Mar teve recorde de inscritos. As inscrições esgotaram 15 dias antes da etapa.  As provas de Trail Run tiveram quatro opções de percursos: Short (8km), Mid (16km), Full (32km), Ultra (60km), além da Kids Race, que inspira as crianças à prática esportiva e ao contato com a natureza.

“É muito gratificante encerrar esta segunda temporada da WTR com tamanho sucesso. Tivemos mais de 1.500 atletas presentes, consagrando ainda mais o Vale das Videiras como o palco perfeito para os esportes de montanha. Temos certeza de estar no caminho certo, preparados para a temporada 2024 com mais etapas e mais Estados no calendário, fortalecendo a WTR no cenário nacional”, comemorou Yuri Binder, fundador e Co-CEO da 213 Sports.

Valmir Lana, competidor no percurso Full (32km), celebrou a contribuição da WTR para o crescimento da modalidade no país. “Fico muito feliz em ver a evolução do Trail Nacional, com um evento de tão boa qualidade como a WTR, não só aqui em Videiras, mas em todas as provas que realiza. Este ano eu tive a oportunidade de estar também na etapa de Campos do Jordão, correndo mesmo, e é, certamente, um dos maiores empreendimentos de Trail Running do Brasil”, disse o também editor da Revista Trail Running.

Além do alto nível técnico, que exigiu muito preparo dos atletas em dia de sol e calor, os percursos passaram por cenários icônicos da região, como a Pedra do Cuca, um dos pontos mais elevados da competição. Os atletas do percurso Full (32km) disputaram ainda o tradicional Desafio “WTR Zerando a Montanha by Strava”, que premiou os vencedores com kits da Strava e da Mombora.

Cenários deslumbrantes também são atrativos na WTR  – Crédito das imagens: Albert Andrade

Vencedores de Trail Run da WTR Serra do Mar
Na categoria Short (8km) feminina, a atleta Isis Costa da Silva foi a vencedora, com tempo de 37min21seg. A segunda colocação ficou com a líder do Ranking WTR 2023 e campeã de 2022 Sandra Martins, que terminou a prova em 41min55seg. Vice-líder da temporada, Iris Ribeiro do Nascimento, terminou a prova na terceira posição, com tempo de 43min19seg.

Na categoria Short (8km) masculina, André Lima conquistou a primeira posição com tempo de 32min02seg. Leandro Santos de Almeida ficou em segundo, com 33min45seg e Paulo Roberto Mendes De Souza Junior terminou em terceiro, com 34min36seg.

A disputa acirrada da categoria Mid (16km) feminina consagrou a atleta Bianca Ferreira, que finalizou o percurso em 1h41min42seg. Na segunda posição, Luanna Marilia Teixeira terminou em 1h50min35seg. Louise Souza ficou em terceiro, com 1h51min51seg.

Entre os homens, Renato Campos conquistou o topo do pódio da Mid (16km), concluindo a prova em 1h21min54seg. Jorge Montenegro ficou em segundo, com 1h23min42seg, seguido por Rodrigo Mascarenhas, com 1h23min59seg.

No percurso Full (32km) feminino, Ana Paula Silveira, do Squad da WTR, conquistou o lugar mais alto do pódio com um tempo de 4h16min34seg. A segunda posição ficou com Clarice Daibert, campeã da Full em 2022, que concluiu em 4h40min24seg. Já a terceira posição ficou com Paloma Nascimento de Andrade Galper, com 4h43min22seg.

“É a quinta vez que faço esta prova e a quarta vez que sou campeã. Eu gosto muito da etapa, não pode faltar no calendário. Acho que todo mundo tem que fazer, seja a distância que for”, afirmou a campeã da categoria Full (32km), Ana Paula, que venceu, ainda, a disputa feminina do desafio “WTR Zerando a Montanha by Strava”.

No masculino, Raphael Correa Valverde conquistou o topo do pódio na categoria Full (32km), terminando a prova em 3h25min32seg. Eduardo de Brito Ramos, que foi campeão do ranking 2022 na mesma categoria, terminou a prova na segunda colocação, com tempo de 3h29min26seg. Em terceiro ficou Edivaldo Souza, com 3h43min47seg. O atleta Lucas Lourenço, quinto colocado no geral da categoria, foi o vencedor masculino do desafio “WTR Zerando a Montanha by Strava”.

Já na categoria Ultra (60km) feminina, Beatriz Ferreira superou o percurso em 8h37min55seg. Juliana Garcia Ferreira ficou na segunda posição, com tempo de 8h58min29seg. O terceiro lugar ficou com Rosalia De Camargo Guarischi, que terminou a prova em 9h13min02seg.

Entre os homens, Ernani De Souza foi o primeiro a completar os 60km, com tempo de 6h42min31seg. Ele foi seguido por Cesar Henrique Goldner Picinin, com 6h52min39seg e Hoslany Fernandes Pessoa, que concluiu em 7h06min46seg.

“Sou muito amigo do Ernani, sabia que não dava para brincar com ele. Eu estava liderando o ranking, então tentei fazer a prova para me garantir. Tentei chegar em quarto colocado, mas fui bem na prova e consegui a segunda posição”, afirmou César Picinin.

Todos os resultados da WTR Serra do Mar 2023 estão disponíveis aqui.

A WTR Serra do Mar tem patrocínio da CamelBak, On Running e Cerveza Patagonia, com apoio da Exposis, Mombora, Strava, YoPro, Prefeitura de Petrópolis, My Safe Sport, Oakley e Guaraí. Realização 213 Sports e Speed Eventos Esportivos. Hotel Oficial: Bomtempo II e foto oficial: Foco Radical. Mídia oficial Revista Trail Running. Mais informações no Instagram @worldtrailraces e no site da WTR.

Campeões do Ranking 2023

Os campeões da temporada 2023 serão anunciados ao longo da semana e coroados no WTR Awards, festa de premiação da temporada que acontecerá dia 10 de dezembro, no Rio de Janeiro.

Serão premiados os Top 5 gerais e o Top 3 das categorias por faixa etária de cada distância (short, mid, long, full e ultra). Ao todo serão premiados 200 atletas e mais de 170 mil reais em dinheiro e premiação.

Conforme o regulamento, para concorrer ao ranking o atleta deve ter participado de, no mínimo, duas etapas. Já para quem disputou todas as etapas serão computados os quatro melhores resultados, o restante será descartado.

Resultados da WTR Serra do Mar – Trail Run

Trail Run Short (8km) Feminino

  1. Isis Costa da Silva – 0:37:21.40
  2. Sandra Martins – 0:41:55.10
  3. Iris Ribeiro do Nascimento – 0:43:19.33
  4. Bianca Maria Pereira Ferreira – 0:43:22.68
  5. Patricia Santanna Varela – 0:43:58.35

Trail Run Short (8km) Masculino

  1. André Lima – 0:32:02.56
  2. Leandro Santos de Almeida – 0:33:45.57
  3. Paulo Roberto Mendes De Souza Junior – 0:34:36.57
  4. Vitor Dos Passos Vieira – 0:34:37.30
  5. Marcus Paulo Escrivani Borges – 0:35:36.32

Trail Run Mid (16km) Feminino

  1. Bianca Ferreira Nunes Da Silva – 1:41:42.73
  2. Luanna Marilia Rodrigues Pimentel Teixeira – 1:50:35.75
  3. Louise Souza De Lima – 1:51:51.73
  4. Tatiana De Oliveira Gomes – 1:53:22.74
  5. Luise Magalhaes Valentim – 1:53:30.49

Trail Run Mid (16km) Masculino

  1. Renato Campos – 1:21:54.42
  2. Jorge Montenegro – 1:23:42.68
  3. Rodrigo Mascarenhas Pereira – 1:23:59.94
  4. João Fernando Accioly – 1:24:52.19
  5. Jonathan Hermes – 1:24:53.43

Trail Run Full (32km) Feminino

  1. Ana Paula Oliveira Silveira Peixoto Dos Santos – 4:16:34.45
  2. Clarice Daibert – 4:40:24.49
  3. Paloma Nascimento De Andrade Galper – 4:43:22.25
  4. Isabela Dos Santos Hoelz – 4:56:33.73
  5. Miria Gois – 4:58:22.27

Trail Run Full (32km) Masculino

  1. Raphael Correa Valverde – 3:25:32.08
  2. Eduardo de Brito Ramos – 3:29:26.84
  3. Edivaldo Souza – 3:43:47.11
  4. Bernardo Ramos – 3:56:21.39
  5. Lucas Lourenço – 4:03:13.41

Trail Ultra (60km) Feminino

  1. Beatriz Ferreira – 8:37:55.29
  2. Juliana Garcia Ferreira – 8:58:29.10
  3. Rosalia De Camargo Guarischi – 9:13:02.39
  4. Adriana Pereira Da Silva Rosa – 9:31:33.93
  5. Carla Bianca De Abreu Lopes Oliveira – 9:51:08.98

Trail Ultra (60km) Masculino

  1. Ernani De Souza – 6:42:31.99
  2. Cesar Henrique Goldner Picinin – 6:52:39.80
  3. Hoslany Fernandes Pessoa – 7:06:46.08
  4. Joel Miguel Camilo – 7:13:12.61
  5. Rafael Silva De Souza – 7:13:22.11

Trail Running nos lençóis maranhenses

Quando pensamos em trail running, pensamos de imediato em correr junto da natureza, isso por si só já motiva qualquer um a querer estar lá, seja na serra, na montanha, no cerrado ou floresta, no frio, neve ou no calor escaldante. Mas existem lugares que a natureza caprichou quando preparou, fez e jogou a receita fora. São lugares únicos, que não tem outro igual em nenhuma parte do planeja.

Um desse lugares de natureza única são os famosos lençóis maranhenses , uma gigantesca formação de dunas que só pra vocês terem uma ideia é maior que a cidade de São Paulo, a titulo de números, os lençóis tem 1.550 km² e a cidade de São Paulo 1.521km² . Sem falar que dependendo do período do ano a paisagem muda, em épocas de chuvas que vão de janeiro à março formam-se milhares de lagoas entre as dunas, chegando a mais de 36 mil espalhadas por toda aquela imensidão .

Dito isso, esse foi um dos motivos que me levou a correr lá, saber que eu estaria correndo em cima de um lugar único no planeta. Quando soube de um evento de Trail Running que haveria na região de pronto procurei me organizar para ir (pois estava vindo de outro evento totalmente oposto, no Ushuaia) sai do frio extremo com muita neve e em menos de 15 dias estava no sol escaldante e rodeado de dunas. A prova em si não era cheia de pompas nem mega estrutura, tinha o básico necessário. Tiveram quatro distâncias no evento, 10k, 18k, 30k e 55k, eu optei em ir na maior para exatamente vivenciar o máximo possível daquela região fantástica.

Essa prova fazia parte do circuito corridas de montanhas, troféu norte-nordeste que tem várias etapas em locais distintos das duas regiões (achei muito bacana ver que o Trail tá chegando em locais onde antes não existia), além dessa etapa dos lençóis as outras são, Chapada Diamantina, Palmas, Marajó, Serra da Canastra (etapa final) . Isso mostra que nossa modalidade tá adentrando cada vez mais no nosso país , em cidades e regiões onde poucos conhecem mas que tem muita beleza escondida.

Voltando para os lençóis a prova contou com pontos de apoio que tinham em média 7k de distância um do outro, e que contavam com água, isotônico e frutas, os apoios estavam  exatamente nos locais onde foi informado pela organização, e pra dar um toque a mais de pancadaria para os atletas dos 55k a organização nos informou que teria um trecho de aproximadamente 17km sem nenhum apoio e que o local seria 100% de dunas (me senti pela primeira vez andando num deserto) com direito a urubus voando em cima de mim, acho que só esperando alguém dar mole pra terem um lanchinho. Isso deu um toque especial no desafio, pois quem errou na estratégia e levou menos água teve que se socorrer nas lagoas que tinham pelo caminho.

Por fim posso dizer que me surpreendi com o grau de dificuldade dessa prova, subestimei aquelas dunas e achei que seria mais tranqüilo, mesmo sendo acostumado posso dizer que foi uma das provas de praia (e dunas) mais difíceis que já corri. Pra vocês terem uma Idea, 45km dos 55k totais da prova foram literalmente de dunas e areia bem frouxa, até bem próximo da chegada ainda percorríamos estradinhas de areia bem solta.

Pra quem nunca correu em areia de duna (bem fina e solta) se prepare pra duas coisas, 1- sua musculatura vai se desgastar bem mais, e se acelerar vai quebrar  2 – vai entrar muita areia no seu tênis e meias seja ele qual for, e isso vai lixar teus pés formando alguns belos calos (as vezes parar e tirar o excesso é uma boa estratégia). Ah, quase me esqueci de falar de outra coisinha, o calor, que nessa época do ano é maior naquela região, deixando a areia bem mais fina e quente, dando uma sensação de estar em cima de uma panela. O lado bom é que esse período por lá é também de muitos ventos (a turma do kite surf chega em peso por lá) isso ameniza um pouco toda essa sensação de desgaste, ainda mais quando você dá um mergulho nas lagoas pelo caminho (eu particularmente dei vários)

Não sei o que mais motiva vocês no trail running, mas uma das coisas que mais me motiva é poder correr em lugares únicos como os lençóis maranhenses, confesso sem medo que mesmo se não tivesse prova alguma lá eu já tinha planos de fazer a travessia dos lençóis, até mesmo sozinho, só para ter aquela sensação de estar colocando meus pés num lugar tão raro, único e cheio de belezas. Ano que vem quero estar lá novamente, e já soube que a organização pensa em colocar a prova mais para o meio de ano, período pós chuvas onde as lagoas estão ainda mais cheias, e claro bem mais lindas.

WTR – Campos do Jordão

CLIMA PERFEITO E VISTAS PANORÂMICAS ENCANTARAM OS ATLETAS DE 
TRAIL RUN NA WTR ON CAMPOS DO JORDÃO

 – Mais de 700 participantes marcaram presença na abertura da penúltima etapa de 2023 da WTR, maior liga de esportes de montanha do país

– Neste domingo (3/9), é a vez dos atletas de Mountain Bike explorarem as trilhas da Serra da Mantiqueira

– A Arena WTR está localizada no Parque Capivari e é aberta ao público com várias atrações

Penúltima etapa de Trail Run da WTR teve largada do Parque Capivari, já neste domingo será a vez dos apaixonados por MTB. Crédito: Albert Andrade

Campos do Jordão (SP), setembro de 2023 – Mais de 700 participantes se reuniram na cidade mais alta do Brasil para abertura da penúltima etapa da temporada 2023 da World Trail Races. Realizada pela 213 Sports e pela Speed Eventos Esportivos, a WTR On Campos do Jordão concluiu, neste sábado, as provas de Trail Run, com percursos de 6km, 18km, 37,7km e 53,5km.  Neste domingo (3/9), são os atletas de Mountain Bike que atenderão ao chamado da montanha.  

Com largada na Arena WTR, montada no Parque Capivari, as provas ocorreram sob um clima perfeito, com temperaturas amenas e poucas nuvens, o que favoreceu o desempenho dos atletas e as vistas panorâmicas da Serra da Mantiqueira. O nível técnico e a elevada altimetria agradou os corredores, que contaram com muito preparo para vencer os desafios das trilhas. “Eu acabei de correr 50km sempre mirando a chegada. Foi animal, a prova é muito linda, estou até emocionada”, comemorou a vencedora da categoria Ultra 53,5km, Rosalia de Camargo Guarischi.  

Já a atleta Iolanda Michele Cezar, que fez sua primeira corrida de montanha na WTR e garantiu a quarta posição na categoria Short 6km, destacou o nível técnico e a dificuldade do percurso. “É minha primeira vez correndo a WTR e adorei! Um percurso bem técnico e bem gostoso de fazer. Participamos também do Desafio Strava, que estava muito legal”, explicou.

Vencedores 

Na categoria Short 6km, a veterana atleta da WTR Sandra Martins confirmou seu favoritismo e venceu a segunda etapa seguida, com um tempo de 28min01seg. A atleta se recuperou de uma lesão gravíssima sofrida em 2022 e caminha forte em busca do título 2023 da World Trail Races. Com a vitória, ela assume a liderança do ranking e irá disputar o título com a atleta Iris Ribeiro na etapa WTR Serra do Mar. Entre os homens, o corredor Jorge Montenegro, do Time Iaza, conquistou o topo do pódio com um tempo de 22min23seg. 

O percurso Long 18km teve o atleta Ayslan Miragaia no topo da disputa masculina, com um tempo de 1h29min28seg. Entre as mulheres, a corredora Rozelene Rodrigues Padilha venceu com tempo de 1h56min11seg. 

Na disputa do percurso Full 37,7km, a integrante do Squad WTR Ana Paula Oliveira Silveira Peixoto dos Santos foi a mais rápida e conquistou o título com um tempo de 3h54min26seg. Entre os homens, Edivaldo Souza levou a melhor em uma prova de 3h24min27seg. 

Já na exigente categoria Ultra 53,5km, o corredor Cesar Henrique Goldner Picinin venceu com um tempo de 5h14min44seg. Entre as mulheres, a atleta Rosalia de Camargo Guarischi conquistou o pódio com um tempo de 6h47min17seg. Ambos garantiram também a conquista do Desafio WTR Zerando a Montanha by Strava.  

A WTR On Campos do Jordão contou ainda com a Kids Race, que desperta nas crianças a paixão pelos esportes de montanha desde pequenos. Os pequenos tiveram aquecimento antes da prova, com a presença de animadores e recreadores.  

A parada paulista da WTR

Prova técnica e desafiante entre as montanhas de Campos do Jordão Crédito: Felipe Almeida

Primeiro destino da World Trail Races fora do estado do Rio de Janeiro, Campos do Jordão recebeu pelo segundo ano consecutivo a prova. Neste ano, a novidade ficou por conta da Arena WTR, que foi montada no famoso Parque Capivari, uma das principais atrações da cidade.

Para Pedro Dau de Mesquita, Co-CEO e Diretor Comercial da 213 Sports, a cidade ofereceu uma experiência incrível para os atletas e familiares que prestigiaram o evento. “Campos do Jordão tem uma estrutura maravilhosa, com uma rede de hotelaria, serviços e entretenimento com atrações para todas as idades. Neste segundo ano da liga na cidade, tivemos o privilégio de montar a Arena no Parque Capivari, um local incrível, com teleférico, roda gigante e muitas atrações que tornaram o evento ainda mais especial. Tivemos um público muito expressivo, de mais de 700 atletas e certamente estaremos aqui novamente em 2024”, afirmou.

Além de ponto de largada e chegada das competições, a Arena WTR oferece muitas atrações para os atletas e seus familiares, como food park, show de bandas locais, Loja WTR, ativação de marcas parceiras, além de recovery para corredores, com massagem e crioterapia gratuita também para o público.

O evento contou ainda com diversas ações de sustentabilidade, que visam preservar a natureza local. Em parceria com a Terra Campos, a WTR faz a gestão de todos os resíduos gerados pelo evento. A Terra Campos realizou também ações de conscientização ambiental na Arena, explicando como é feita a separação de resíduos e a coleta seletiva de materiais, além de atividades educacionais para as crianças presentes.

Os esforços de sustentabilidade da Liga não pararam por aí. Em parceria com a Ciclou, a WTR desenvolveu uma coleção de produtos produzidos com as lonas das etapas anteriores. São malas, mochilas, necessaires e carteiras desenvolvidas por artesãos brasileiros.

A WTR On Campos do Jordão tem patrocínios de On Running e Cerveza Patagonia, apoios da Prefeitura de Campos do Jordão, Exposis, Mombora, YoPRO, Strava, My Safe Sport e Guaraí. Hotel oficial: Rede Nacional Inn. Foto oficial: Foco Radical. Mídia oficial do evento: Revista Trail Running.

A temporada 2023 da World Trail Races terá sua última parada em Petrópolis (RJ), no Vale das Videiras, nos dias 25 e 26 de novembro. As inscrições são realizadas através do site oficial do evento.

Confira abaixo todos os resultados de Trail Run:

Trail Run Short – 6km 

Masculino

  1. Jorge Montenegro: 0:22:23.75
  2. André Lima: 0:23:25.24
  3. Paulo Roberto Mendes de Souza Júnior: 0:23:53:28
  4. Emerson Rodrigues: 0:24:28.53
  5. Leandro Santos de Almeida: 0:25:16.26

Feminino

  1. Sandra Martins: 0:28:01.47
  2. Iris Ribeiro do Nascimento: 0:30:06.24
  3. Fábia Barbosa dos Santos: 0:31:34.77
  4. Iolanda Michele Cezar: 0:32:58.02
  5. Carolina Hamuche: 0.33.00.77

Trail Run Long – 18km

Masculino

  1. Ayslan Miragaia: 1:29:28.81
  2. Rafael Santos Novais: 1:31:16.06
  3. Felipe Alencar Monteiro: 1:31:23.87
  4. Eduardo de Brito Ramos: 1:32:54.06
  5. Joseilton da Silva Santos: 1:34:58.34

Feminino

  1. Rozelene Rodrigues Padilha: 1:56:11.65
  2. Luanna Marilia Rodrigues Pimentel Teixeira: 2:00:16.13
  3. Tadna Dias: 2:06:56.50
  4. Carolina Carius: 2:09:31.42
  5. Luise Magalhães Valentim: 2:11:28.29

Trail Run Full – 37,7km

Masculino

  1. Edivaldo Souza: 3:24:27.50
  2. Aluisio José da Silva: 3:28:53.01
  3. Rodrigo Vesma: 3:48:24.04
  4. Luis Nei Resende: 3:50:26.76
  5. Luca Lourenço: 3:53:18.33

Feminino

  1. Ana Paula Oliveira Silveira Peixoto dos Santos: 3:54:26.53
  2. Vanessa Moredo Alonso: 4:12:19.31
  3. Luiza Pereira Velloso: 4:48:59.84
  4. Luciana Bertocco de Paiva Haddad: 5:04:36.59
  5. Maria Tatiane Dos Santos Costa de Carvalho: 5:16:41.67

Trail Run Ultra – 53,5km

Masculino

  1. Cesar Henrique Goldner Picinin: 5:14:44.61
  2. Lucas Alves Teixeira: 5:28:12.93
  3. Wanderson Nascimento: 5:28:38.94
  4. Carlos Henrique de Paula: 5:44:54.28
  5. Joel Miguel Camilo: 5:51:01.21

Feminino

  1. Rosalia de Camargo Guarischi: 6:47:17.04
  2. Sandra Rosa Oliveira: 6:47:17.04
  3. Juliana Garcia Ferreira: 7:42:23.84
  4. Priscila de Souza Santos: 7:47:33.09
  5. Márcia Cristina Pires Bessa: 8:00:47.11

Desafio WTR Zerando a Montanha by Strava – Trail Run

Vencedor masculino: Cesar Henrique Goldner Picinin
Vencedora feminino: Rosalia de Camargo Guarischi

A classificação completa de todas as provas estão disponíveis aqui.


Sobre a 213 Sports – Fundada por Pedro Dau de Mesquita, Yuri Binder, Bernardo Montenegro e Marcelo Montenegro, a 213 Sports nasceu no ano de 2012. Em 2021, a agência foi adquirida pela V3A e, desde então, responde como vertical de esportes, que integra o pilar de Ventures da companhia. Focada em marketing esportivo, a 213 Sports já realizou mais de 70 projetos para marcas globais e locais, impactando mais de 50 milhões de pessoas no Brasil e no mundo. A 213 Sports vê o esporte como uma plataforma de engajamento e conexão com forte apelo emocional entre as marcas e consumidores, resultando em uma experiência única de sportainment. Insights estratégicos alinhados com o posicionamento da marca, excelência na execução e resultados mensuráveis com retorno social, sempre que possível, são as bases que sustentam a excelência da 213 Sports. Responsável por inúmeros cases, a agência se destaca com os projetos: Oi Rio Pro, Sephora Beauty Run, Ceará Kite Pro, WSL House, CamelBak Mountain Race, Casa On Running, Praia Para Todos, Pelé Academia, Saquarema Surf Festival, WTR, Red Bull Pool Clash, SLS Super Crown World Championship, entre outros.

Paraty Brazil by UTMB: O Evento de Trail Running Mais Esperado do Ano

Paraty, 15 de junho de 2023


O Paraty Brazil by UTMB ocorrerá entre os dias 21 e 24 de setembro de 2023, e promete oferecer uma experiência extraordinária para corredores e entusiastas do trail running. Pela primeira vez no Brasil, o evento faz parte do UTMB World Series, o maior circuito de trail do mundo, trazendo consigo a emoção, a competição e a aventura características da UTMB (Ultra-Trail du Mont-Blanc).

Como um dos eventos mais icônicos e desafiadores do mundo, a UTMB é realizada anualmente nos Alpes Franceses, atraindo atletas de elite e entusiastas apaixonados pelo desafio de percorrer trilhas deslumbrantes e exigentes. Agora, o Brasil tem o privilégio de receber essa tradição, permitindo que corredores de todo o mundo experimentem a magia de nossas trilhas e desfrutem da hospitalidade única do país.

O Paraty Brazil by UTMB será realizado na charmosa e acolhedora cidade de Paraty, localizada entre as cidades do Rio de Janeiro e São Paulo, no litoral sudeste brasileiro. Rodeada por majestosas montanhas e exuberantes florestas, Paraty é um destino conhecido por sua beleza natural e rica história colonial. Com seu centro histórico preservado e suas ruas de paralelepípedos, a cidade proporcionará uma recepção calorosa aos corredores, familiares e amigos.

Esse evento oferece uma oportunidade única para os participantes explorarem a riqueza natural de Paraty. Desde praias paradisíacas até montanhas desafiadoras, cada passo dado nas trilhas revelará uma nova paisagem de tirar o fôlego. A conexão com a natureza será intensa, permitindo que os corredores experimentem a grandiosidade desse ambiente espetacular.

O Parque Nacional da Serra da Bocaina, uma das jóias naturais do Brasil, servirá como pano de fundo deslumbrante para o evento. Com mais de 100.000 hectares de área protegida da Mata Atlântica, essa região intocada é um tesouro a ser preservado.

O Paraty Brazil by UTMB não apenas proporcionará uma experiência inesquecível aos corredores, mas também destacará a importância da conservação ambiental e sustentabilidade. Em parceria com o ICMBio (Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade), o evento está empenhado em promover uma abordagem responsável e respeitosa em relação ao ambiente natural da Serra da Bocaina. Os corredores e entusiastas do trail running terão a oportunidade de se tornarem embaixadores da preservação ambiental, contribuindo para a conservação desse tesouro natural para as gerações futuras.

Paraty e o Parque Nacional da Serra da Bocaina foram considerados Patrimônio Mundial pela UNESCO por sua cultura, fauna e flora excepcionais.

O Paraty Brazil by UTMB oferecerá quatro percursos desafiadores, adequados para diferentes níveis de habilidade e condicionamento físico:

UTSB 110

Ultra-Trail Serra da Bocaina 110: Com uma distância de 110 km e um ganho de elevação de 5700 metros, este percurso é uma verdadeira prova de resistência para os corredores mais experientes. As inscrições estão esgotadas.

PTR 55

Paraty Trail Run 55: Com 54 km de distância e um ganho de elevação de 2800 metros, este percurso oferece uma mistura de desafios técnicos e paisagens deslumbrantes. As inscrições estão esgotadas.

PTR 35

Paraty Trail Run 35: Com 34 km de distância e um ganho de elevação de 1300 metros, este percurso é perfeito para corredores intermediários em busca de uma experiência desafiadora. As inscrições estão abertas.

PTR 20

Paraty Trail Run 20: Com uma distância de 23 km e um ganho de elevação de 660 metros, este percurso é ideal para corredores iniciantes que desejam experimentar a emoção do trail running. As inscrições estão abertas.

Com corredores inscritos de mais de 28 nacionalidades, o Paraty Brazil by UTMB se torna um ponto de encontro para pessoas de todo o mundo. Essa diversidade cultural cria um ambiente enriquecedor, onde corredores podem compartilhar suas experiências e celebrar a paixão comum pelo trail running.

O evento também contará com a presença de renomados atletas de elite. Mais de 20 atletas excepcionais estarão presentes para competir nas diferentes distâncias, proporcionando um espetáculo de alto nível para os espectadores e inspirando outros participantes a superarem seus próprios limites.

Outro destaque do Paraty Brazil by UTMB é a participação feminina. Com mais de 37% das inscrições sendo mulheres, esse evento é reconhecido por ter uma das maiores proporções de participação feminina entre as provas da UTMB World Series. Isso demonstra o crescente interesse e envolvimento das mulheres no trail running, refletindo a natureza inclusiva e acessível do esporte para todos os gêneros.

A Expo é outro ponto alto do Paraty Brazil by UTMB. Nessa exposição, expositores e patrocinadores têm a oportunidade de apresentar suas marcas e produtos, proporcionando um ambiente propício para networking, lançamentos, ativações e descoberta de produtos relacionados ao trail running e esportes outdoor. É uma experiência interativa e enriquecedora para todos os presentes e atrairá cerca de 10 mil visitantes, incluindo atletas, familiares, entusiastas do esporte e público em geral.

Com a combinação de participantes de diferentes nacionalidades, a presença de atletas de elite e uma participação feminina expressiva, o Paraty Brazil by UTMB se destaca como um evento verdadeiramente inclusivo, diversificado e  emocionante. A energia e a paixão compartilhadas entre os participantes criam uma atmosfera única e inspiradora, onde todos têm a oportunidade de se superar, se conectar com a natureza e desfrutar de uma experiência extraordinária no trail running.

Milhares de atletas farão parte dessa jornada épica, Paraty Brazil by UTMB reunirá desde corredores experientes e iniciantes em busca de um novo desafio no mundo do Trail Running. Paraty Brazil by UTMB é o evento imperdível de 2023.

Para mais informações sobre o Paraty Brazil by UTMB e como participar, visite o  site oficial do evento em https://paraty.utmb.world/pt

Siga o Paraty Brazil by UTMB nas redes sociais:

Fotos: CLIQUE AQUI

Para solicitar entrevistas ou obter materiais de imprensa, entre em contato com:


Rafael Miranda

Diretor Geral

[email protected]

+55 11 98179-7404

WTR – Arraial do Cabo

ARRAIAL DO CABO SERÁ O DESTINO DA WORLD TRAIL RACES EM MAIO

  • Etapa pioneira da WTR reuniu mais de 1200 pessoas na edição 2022
  • Considerada o Caribe brasileiro, cidade oferece condições ideais para prática dos esportes de montanha
  • Será a única etapa da temporada com prova em dupla (21Km)

Etapa pioneira irá desbravar morros e praias de Arraial do Cabo (RJ)

Uma das corridas mais tradicionais no calendário de eventos da World Trail Races, Arraial do Cabo sediará pela oitava vez uma etapa da maior liga de esportes de montanha do país. A cidade da Região dos Lagos receberá no dia 27 de maio o terceiro evento do calendário 2023 da WTR, realizado pelas empresas 213 Sports, vertical de esportes da V3A, e Speed Eventos Esportivos.

Para Max Magalhães, Diretor de Eventos de Arraial do Cabo, o evento fortalece a vocação da cidade para o ecoturismo e a prática de esportes ao ar livre. “Estamos próximos de um dos maiores eventos de corrida de trilha do mundo, a WTR, que será realizada no mês de aniversário de Arraial do Cabo. O evento terá um importante impacto na economia da cidade, fomentando a rede hoteleira, gastronômica, o comércio e o turismo local. Parabenizo o prefeito Marcelo Magno e os representantes do Trade e Convention de Arraial do Cabo por reconhecerem a importância deste evento para nossa cidade e toda a equipe da WTR, que só tem gente fera”, explica. 

Conhecida como o Caribe brasileiro por suas praias de águas cristalinas, a cidade oferece condições ideais para a prática de esportes de montanha, além de paisagens exuberantes. Serão três percursos destinados a atletas profissionais e amadores:  6km, 21km e 30 km. Essa será a única prova da temporada que pode ser disputada em dupla, no percurso de 21km. Haverá também a Kids Race, prova destinada às crianças para que desde cedo aprendam os benefícios da prática esportiva.

Ancorados pela boa recepção das edições anteriores, a organização preparou percursos desafiadores para os atletas, com trilhas repletas de subidas e descidas, single tracks e desnível acumulado de até 1258 metros. No percurso Full  (30km), os atletas terão que vencer muitos trechos de areia, que passam pela Praia Grande, Praia do Pontal, Prainha, Praia do Forno, Praia dos Anjos e Praia Brava. Os atletas da Full 30km terão um desafio a mais: Desafio WTR Zerando a Montanha by Strava. O homem e a mulher mais rápido no segmento selecionado serão premiados com kit strava e kit Mombora. O trecho dessa vez será a famosa Escadaria do Pontal, cartão postal da cidade.

O percurso Long (21km), que pode ser disputado solo ou em duplas, com cada atleta correndo 10,5km (Mid), terá percurso semelhante ao Full, mas não chegará até a Praia do Pontal. Já o percurso Short (6km), será disputado na Praia Grande. 

“Arraial do Cabo é uma etapa pioneira da WTR e já conquistou os atletas pelos percursos muito técnicos e mudanças de terrenos, que exigem preparo e superação. Mas também por recompensar aqueles que atenderam ao chamado da montanha com vistas espetaculares e as paisagens sem igual do Caribe brasileiro. Esperamos que seja mais um grande evento”, afirmou Yuri Binder, sócio-diretor da 213 Sports. 

A Arena WTR será montada na Praia Grande e terá atrações para os atletas e suas famílias, como show de bandas locais, ativações de patrocinadores, recovery gratuito com massagem, bota de compressão e piscina de crioterapia, test drive de tênis da On Running, WTR Store com venda de produtos oficiais da Liga, food park e Área Kids. Os atletas inscritos na etapa contam ainda com desconto de 15% no hotel oficial do WTR Arraial do Cabo, o Mediterrane Hotel.

A WTR Arraial do Cabo conta com patrocínios da Prefeitura de Arraial do Cabo, On Running e Cerveza Patagonia e apoio de Mombora, Strava, My Safe Sport,  Exposis e YoPro. Hotel oficial: Mediterrane Hotel. Transfer oficial: Lobos Adventure. Foto Oficial: Foco Radical. Mídia oficial do evento: Revista Trail Running.  Mais informações no site da WTR e no Instagram @worldtrailraces

Sobre a 213 Sports – Fundada por Pedro Dau de Mesquita, Yuri Binder, Bernardo Montenegro e Marcelo Montenegro, a 213 Sports nasceu no ano de 2012. Em 2021, a agência foi adquirida pela V3A e, desde então, responde como vertical de esportes, que integra o pilar de Ventures da companhia. Focada em marketing esportivo, a 213 Sports já realizou mais de 70 projetos para marcas globais e locais, impactando mais de 50 milhões de pessoas no Brasil e no mundo. A 213 Sports vê o esporte como uma plataforma de engajamento e conexão com forte apelo emocional entre as marcas e consumidores, resultando em uma experiência única de sportainment. Insights estratégicos alinhados com o posicionamento da marca, excelência na execução e resultados mensuráveis com retorno social, sempre que possível, são as bases que sustentam a excelência da 213 Sports. Responsável por inúmeros cases, a agência se destaca com os projetos: Oi Rio Pro, Sephora Beauty Run, Ceará Kite Pro, WSL House, CamelBak Mountain Race, Casa On Running, Praia Para Todos, Pelé Academia, Saquarema Surf Festival, WTR, Red Bull Pool Clash, SLS Super Crown World Championship, entre outros.

Calendário World Trail Races 2023

27/5 – WTR Arraial do Cabo (Trail Run) – Praia Grande (Arraial do Cabo/RJ)
8 e 9/07 – WTR Miguel Pereira (Trail Run e MTB) – Miguel Pereira/RJ
2 e 3/9 – WTR On Campos do Jordão (Trail Run e MTB) – Campos do Jordão/SP
25 e 26/11 – WTR Serra do Mar (Trail Run e MTB) – Vale das Videiras (Petrópolis/RJ)

Faltam menos de 100 dias para o WMTRC 2023!

Reportagem: Bruno Mattos


No dia 26 de fevereiro, a contagem regressiva registrou exatos 100 dias para o Campeonato Mundial de Mountain and Trail Runnig Innsbruck-Stubai. A cidade de Tirol, Áustria, sediará pela primeira vez uma competição desse porte. Aproximadamente 1.500 atletas de 63 nações estarão presentes para competir nos dias 6 a 10 de junho. O evento ainda terá o patrocínio master da Volkswagen, e mais de 400 voluntários para realização do evento.

Faltando menos de três meses pela corrida ao título, delegações de diversos países manifestaram interesse em fazer parte dessa edição histórica. Após o sucesso da etapa que aconteceu na Tailândia (2022), veremos nesse ano, um recorde de associações inscritas. Com um contingente de 61, a Itália será a maior seleção a participar, seguida pela Argentina (56), Espanha (55), França (51) e Estados Unidos (50). “É ótimo ver que pessoas de todo o mundo virão para cá; equipes da Nova Zelândia, Austrália e Hong Kong se inscreveram, assim como as da África do Sul, Quênia e Uganda, bem como Argentina, Chile e México, sem falar nas nações européias, onde praticamente todos, da Islândia à Ucrânia e Malta, estarão representados”, diz Alexander Pittl, chefe do comitê organizado.

 

Delegação brasileira até o momento não terá representantes.
 

Após quatro participações seguidas nos mundiais de 2016 (Portugal), 2017 (Itália), 2018 (Espanha) e 2019 (Portugal). Nossa seleção chega ao segundo ano consecutivo e sem perspectivas de organização e incentivo das entidades públicas responsáveis.

 

Um dos maiores treinadores e especialistas no assunto, Guilherme De Agostini, que já foi treinador em duas ocasiões 2017 e 2019, relatou sua indignação nas suas redes sociais: “Em 2017 (Itália), 2018 (Espanha-não pude ir) e 2019 (Portugal) fui convocado para os campeonatos mundiais de Trail Running como técnico da Seleção Brasileira. O trail estava ficando cada vez mais forte, aparecendo e logicamente chamando interesses. Nisso a Federação Internacional de Atletismo (IAAF) se uniu a International Trail Running Association (ITRA) e a Word Trail Running Association (WTRA) para realizar o 1º. Mundial unificado, que devido à pandemia só aconteceu em novembro de 2022.
Escrevo sobre, porque em 2017 nosso INCANSÁVEL (Sidney Togumi) representante havia dito estas palavras. O trail running agora dentro da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) VAI ANDAR, MAS NUMA VELOCIDADE MAIS LENTA DO QUE QUEREMOS. Em 2019 no meu 2º. Mundial ainda falamos mais sobre isso, a ultra lenta velocidade do Trail dentro da CBAt.”
1º. Mundial unificado. Tailândia. Brasil ficou de fora, nenhum atleta representou a seleção. Incrivelmente em 2019 fomos com 12 atletas, 6 homens e 6 mulheres. Ah e a Argentina, com toda sua crise financeira (todos sabem) foi representada com 20 atletas. 2023, Mundial Austria, dia 06/06. Já tem mais de 58 seleções inscritas. Aqui na América do Sul, Argentina e Peru já confirmadas, e a Argentina com mais de 40 atletas.
E o Brasil.
1) Não sabe se vai;
2) Se formos, quanto atletas irão?
3) Se formos, qual a seletiva ou critério para tal?
4) Se formos, como iremos? Custeando nada, tudo e parcial como nas outras edições?
Infelizmente estamos mais do que lentos, estamos parado.”

Opinião da Revista Trail Running Br: Foram quatro participações históricas. No momento em que dávamos passos largos em direção a valorização e crescimento do esporte em território nacional, somos lançados novamente para a estaca zero. Mesmo fazendo parte da CBAT, vemos o esporte num verdadeiro limbo. Nossos países vizinhos, com toda dificuldade, ainda conseguem enviar seus representantes e configurar número recorde de atletas, evento pós evento.
Volkswagen R um Parceiro Premium WMTRC

Além de associações atléticas internacionais, grandes marcas sinalizaram seu interesse, com conselhos regionais de turismo como: Tirol Werbung, Innsbruck Tourism e a Tourism Association Stubai Tirol, tendo feito parceria desde o início. “Ter a Volkswagen R como Parceiro Premium do Campeonato Mundial mostra como estamos no topo com a WMTRC. Embora as cooperações com outros grandes nomes como La Sportiva, Snowline Chainsen e Salomon – para citar apenas alguns – enfatizem ainda mais este ponto, esperamos assinar contratos com várias marcas mais renomadas ”, diz Pittl.

Transmissão ao vivo em cinco idiomas

O evento mostra sua relevância em âmbito internacional. Todos os percursos serão transmitidos ao vivo na TV nacional e internacional. A transmissão estará disponível no site da WMTRC com cinco idiomas (alemão, inglês, espanhol, italiano e francês). A organização ainda espera receber 150 jornalistas de diversos países para cobrir o evento.
Alexander Pittl, : “Os voluntários são a espinha dorsal dos grandes eventos.”Maior exemplo de voluntários = sucesso, é a realização anual do UTMB. Evento que conta com milhares de voluntários. Dessa vez, o Campeonato Mundial espera receber cerca de 400 voluntários que irão compor essa “espinha” para a construção desse espetáculo. Alexander Pittl, acerta em cheio: “Os voluntários são a espinha dorsal de qualquer grande evento. A maioria deles não poderia ser realizada sem o apoio voluntário, por isso gostaria de agradecer aos mais de 250 voluntários que já se inscreveram para nos apoiar e garantir que o WMTRC 2023 seja uma celebração do esporte no coração de os Alpes.” Qualquer pessoa que queira fazer parte da equipe de voluntários do WMTRC deve se inscrever em breve em www.innsbruck-stubai2023.com/en/jobsvolunteering

Confira os percursos da WMTRC 2023:

A prova terá quatro modalidades na busca pelo sonhado título: VERTICAL, TRAIL SHORT, TRAIL LONG e MOUNTAIN CLASSIC – todas passando por alguns dos lugares mais impressionantes dos Alpes.

VERTICAL (7,3 km e 1.020 metros de altitude): Em duas corridas separadas, homens e mulheres determinarão seus respectivos Campeões Mundiais nesta rota desafiadora, que, após duas rodadas iniciais por Neustift im Stubai, segue por trilhas estreitas e íngremes quase verticalmente para a linha de chegada no Elferhütte.

TRAIL SHORT (44,6 km e 3.132 metros de altitude): Após uma largada em massa fora do teatro estadual em Innsbruck, o Trail Short segue um percurso variado e desafiador ao longo das trilhas íngremes e exigentes do Nordkette antes de alcançar um terreno mais alpino do outro lado do vale do Inntal. Os atletas passarão pelo Mutterer Alm a caminho da região de Kalkkögel e, em seguida, iniciarão sua descida íngreme até a linha de chegada em Neustift.

TRAIL LONG (85,6 km e 5.554 metros de altitude): Após uma largada em massa em Neustift, a Trail Long leva até o terreno alpino das montanhas Kalkkögel antes de passar por Adolf-Pichler-Hütte, Hoadl e o lago Salfeiner See . A rota então cruza o vale Inntal para subir os 1.000 metros finais até Nordkette antes de descer novamente em uma descida tecnicamente desafiadora. A corrida termina na linha de chegada fora do teatro estadual em Innsbruck

MOUNTAIN CLASSIC ( 6,7 km e 374 metros de altitude): O percurso para o Mountain Classic foi traçado ao longo do percurso que foi utilizado para o ciclismo de estrada WMTRC. Em corridas separadas, cada uma consistindo em duas rodadas, os juniores (m/f) e os corredores de elite (m/f) determinarão seus respectivos Campeões Mundiais.

Novo CEO da OneHundred Group

Londres, 27 de janeiro de 2023

ONE HUNDRED GROUP LTD ANUNCIA NOVO CEO E ALIANÇA ESTRATÉGICA, POSICIONANDO A EMPRESA PARA CRESCIMENTO E SUCESSO FUTURO
A One Hundred Group Ltd tem o prazer de anunciar a nomeação de Camillo Franchi Scarselli como o novo CEO da empresa. Camillo traz uma vasta experiência na organização de eventos de classe mundial, e sua nomeação ajudará o One Hundred Group Ltd a alcançar novos patamares na indústria.

Como parte desta nomeação, a One Hundred Group Ltd firmará uma aliança estratégica com o Atléticom, empresa da qual Camillo atualmente é presidente. Essa parceria permitirá que ambas as empresas aproveitem os pontos fortes e a experiência de cada uma para oferecer serviços excepcionais a seus clientes.

João Andrade em entrevista para nosso diretor Valmir Lana.

A One Hundred Group Ltd teve um impacto significativo no cenário de corrida em trilhas de montanha e, com esta nova aliança, eles continuarão a ultrapassar os limites do que é possível na indústria. A empresa mudará seu centro operacional para Roma, na Itália, para ficar mais próxima de seu novo parceiro e aproveitar o ambiente dinâmico de negócios da região. A empresa será guiada por uma equipe experiente em todas as áreas, para garantir que as operações ocorram sem problemas a partir de sua nova base em Roma.
João Andrade, fundador do One Hundred Group Ltd e agora Diretor de Desenvolvimento de Negócios (CBDO), disse: “Estamos entusiasmados em trazer nossa experiência e paixão por trilhas de montanha para o mundo a partir de nossa nova base em Roma e oferecer eventos de resistência em trilhas de montanha de classe mundial para nossos clientes. Depois de quase quatro anos construindo as fundações da empresa, nossa equipe principal, levantando capital de investidores, incluindo o mais recente aumento de capital da Crowdcube e entregando o primeiro campeonato mundial de 100 milhas e 100 km de resistência em trilha do mundo, agora é hora de levar o próximo grande passo adiante”.

Camillo Franchi, o novo CEO do One Hundred Group Ltd, acrescentou: “Estou honrado em assumir o cargo de CEO do One Hundred Group Ltd e estou animado para trabalhar com a talentosa equipe do One Hundred Group e do Atleticom para continuar a entregar eventos excepcionais para nossos clientes. Estou ansioso para levar a empresa a novos patamares e construir sobre a base sólida já estabelecida.

O presidente Jeremy Woodgate declarou: “Estamos entusiasmados por ter Camillo a bordo como nosso novo CEO e João como Diretor de Desenvolvimento de Negócios. Juntamente com o Atleticom, estamos confiantes de que podemos levar o One Hundred Group Ltd e o incrível esporte de Mountain Trail Running a novos patamares. Estamos ansiosos para anunciar as competições para 2023 em breve.


Contato: [email protected]

Chegou a vez do Trail Running

Por: OneHundred


Com o objetivo de nos tornarmos um importante player no mercado de trail running organizando o primeiro World Series, estamos felizes por termos concluído nossa primeira edição de 2022 com o Gran Finale que aconteceu nas montanhas de Gran Sasso, na Itália, entre os 21 e 23 de outubro.

Na final da Gran Sasso World Series 2022, os atletas correram horas antes de cruzar a linha de chegada em frente à Basílica de San Bernardino, no centro histórico de L’Aquila, após o sprint final na sugestiva escadaria.

Com nossas corridas da World Series, a One Hundred pretende tirar proveito de um mercado, com cerca de 20milhões de corredores de trilha em todo o mundo, crescendo em média 12% ao ano ao longo da última década. Acreditamos que o esporte de corrida em trilha precisa de uma competição global baseada em desempenho com prêmios em dinheiro, marketing e transmissões de alta qualidade para atrair os profissionais e as massas.


Por isso, aplicamos esta receita no evento internacional “One Hundred Gran Sasso World Series Final 2022”, que se aventurou em uma jornada imersa no coração do Parque Nacional Gran Sasso d’Italia e Monti della Laga. Quatro distâncias: de 100 milhas (160 quilômetros) e 100 quilômetros, depois 30 e 15 km.

Prêmio em dinheiro, transmissão ao vivo, mídia, atletas, tivemos tudo para o deleite dos fãs de trail running em todo o mundo. O último dia de domingo foi mais dedicado ao público em geral, com corridas na distância mais curta que esperamos atrair cada vez mais corredores para a próxima edição.

No próximo ano, planejamos corridas de trilha de ultra montanha de 100 milhas e 100 km, e distâncias mais curtas, em montanhas deslumbrantes e parques nacionais em todo o mundo, incluindo Brasil, Portugal, EUA e Itália.


Continuaremos realizando transmissões ao vivo por meio de nosso canal do YouTube, One Hundred TV, que nos ajudou a construir uma audiência de milhares de fãs engajados em todo o mundo, e isso continua crescendo.

Cobrando corredores de até £300 para se inscrever, temos parcerias com Sponser Nutrition, Michelob Beer e Emotionstore; nosso parceiro oficial de viagens global, permitindo-nos desenvolver um Programa de Viagens para gerar outro fluxo de receita. Além disso, fazemos parcerias com governos locais, prefeituras e muitos outros.

Nosso objetivo é expandir por meio de patrocínios e publicidade em torno de transmissão ao vivo.

A One Hundred está procurando capitalizar o lançamento de nossa World Series inaugural, reforçando nossas equipes de gerenciamento de eventos, expandindo nossa oferta em 2023 e criando um produto atraente para atrair os melhores atletas e patrocinadores globais.

A comunidade Crowdcube é especial, e somos muito gratos àqueles que valorizam o que estamos construindo e estão tão empolgados com nossos planos de crescimento quanto nós.

Também esperamos que nossa campanha bem-sucedida leve a uma virada positiva, ajudando na profissionalização do esporte Trail Running.

Esperamos arrecadar mais fundos acima de 100% para impulsionar nossos empolgantes planos de expansão e desbloquear nosso potencial na World Series!


Visite nossa página no Instagram onde você pode conferir tudo sobre a recente final da Gran Sasso World Series 2022: https://www.instagram.com/onehundred.run/


Obs.: Investimentos dessa natureza trazem riscos ao seu capital. Por favor, invista consciente.